Inicial / Notícias SESI/SENAI / Peça teatral sobre Segurança do Trabalho é apresentada para alunos dos cursos de Aprendizagem do SENAI Amapá

Peça teatral sobre Segurança do Trabalho é apresentada para alunos dos cursos de Aprendizagem do SENAI Amapá

Macapá – Cerca de 30 alunos do curso Construtor de Edifícios do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) que estudam no Centro de Formação Profissional (CFP) de Macapá apresentaram peça teatral com o título “Fone Zero” para os estudantes dos cursos de Mecânica Automotiva, Torneiro Mecânico, Eletricidade, Assistente Administrativo, Panificação e Administrador de Redes, totalizando 165 espectadores. O tema abordado é resultado de pesquisa sobre as doenças ocupacionais que podem ser causadas pelo volume alto do som e o uso excessivo dos fones de ouvido.

De acordo com a instrutora de Segurança do Trabalho, Alcemira Magave, a surdez, em variados níveis, já atinge 16% da população mundial e já é a terceira maior causa de doenças ocupacionais, segundo pesquisa da OMS (Organização Mundial da Saúde).  “A exposição frequente a ruídos de alta intensidade sem a devida proteção é o caso clássico de perda auditiva adquirida por fatores externos. Ela é mais comum em ambientes industriais ou de construção civil. Para combatê-la é preciso estar sempre equipado com os protetores auriculares e em alguns momentos do dia se livrar totalmente do som”, afirmou a instrutora.

Saymon Coelho, 14 anos, um dos “atores” da peça, disse que depois de estudar os danos que a exposição frequente a ruídos de alta intensidade sem a devida proteção auditiva pode causar, mudou seus hábitos. “Hoje, além de não usar mais os fones passei a informar meus colegas sobre os perigos a que estamos sujeitos”, disse.

A fonoaudióloga do SESI, Josiane Sousa, explicou que é comum os jovens passarem parte do dia com fones. “Seu uso prolongado e com potência elevada pode causar problemas irreversíveis à audição. É aconselhável que para reduzir os riscos sejam utilizados fones maiores, que cobrem toda a região da orelha, pois este tipo de aparelho não entra diretamente no conduto onde os fones pequenos ficam acomodados”, ressaltou Josiane.


ATENDIMENTO À IMPRENSA
Gerência de Comunicação Corporativa SESI/SENAI – AP
Contato: (96) 3084-8944
E-mail: imprensa@sesisenaiap.org.br

Sobre Ana Anspach